Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida às fatias

Gostava de escrever um texto inspirador que servisse de meta a este blog... mas não há! É consumir depressa antes que acabe!

Vida às fatias

Qua | 24.02.16

Uma paixão chamada livros | 18

Fatia Mor

Livro do qual nunca te irás separar

 

Tenho uma relação passional com os livros. Para mim, têm que estar ostentados na minha estante ou guardados nas minhas caixas. Empresto de bom gosto, sabendo que dou sempre um bocado de mim, quando entrego os livros. E já tive alguns dissabores, porque perdi alguns nos empréstimos que fazia. Por isso, arrisco-me a dizer que não me separo de nenhum dos meus, a não ser que aconteça por um azar do destino. Mas pronto, porque temos que referir um e porque admiro imenso a autora, elejo para esta rubrica o livro Rosa minha irmã Rosa da Alice Vieira (que poderia perfeitamente estar nos livros que marcaram a minha infância).

 

O meu é tal e qual este e arrisco-me a dizer que tem marcas semelhantes da passagem do tempo...

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.