Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida às fatias

Gostava de escrever um texto inspirador que servisse de meta a este blog... mas não há! É consumir depressa antes que acabe!

06
Abr17

Morro um bocadinho por dentro.

Fatia Mor

Morro um bocadinho por dentro quando vejo o que ser humano é capaz.

Por todo o lado são vídeos e imagens ultrajantes. Mais do que o choque de ver pessoas em sofrimento, crianças, homens, mulheres, é o choque de ver que alguém é capaz de perpetuar estes actos criminosos contra o seu semelhante. 

A história está repleta destes episódios. Mas estudá-los nos livros de história, num passado mais ou menos longínquo, deixavam-me a alma aquietada. Sempre achei que já não estávamos num mundo em que as pessoas sofressem às mãos dos interesses vis... Que tivéssemos aprendido com os erros do passado a construir um futuro melhor. 

Agora, sem querer, numa passagem rápida pelo facebook, vi um vídeo sobre o ataque químico na Síria. Pessoas em agonia, crianças em choque, sem respirar, a serem transportadas, como for possível, para um hospital. Vidas que são ceifadas, modificadas, alteradas...

Independentemente das crenças que possa ter sobre tudo o que se passa, sobre a origem e o destino dos seres humanos, não sou capaz de ficar indiferente. O homem ainda é pérfido nos meios que utiliza para atingir os fins que pretende... E isso, mata-me um bocadinho por dentro!

7 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre a FatiaMor

foto do autor

Fatias antigas

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Créditos

Imagens produzidas e fornecidas por Flaticon (http://www.flaticon.com/).