Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vida às fatias

Gostava de escrever um texto inspirador que servisse de meta a este blog... mas não há! É consumir depressa antes que acabe!

06
Nov14

Em pulgas

Fatia Mor

Quando uma criança nasce numa família, especialmente se for a primeira a emoldurar o quadro da felicidade, tendemos a tirar milhentas fotografias. Há fotos da criança a fazer quase tudo. Quem não tem uma fotografia nua a tomar banho ou a sair do mesmo, desculpem-me lá, mas os vossos pais foram negligentes na arte de "bem fotografar e humilhar o filho para o futuro".

Nesse interim de disparos que nos enchem a alma e, graças às máquinas digitais, cartões de memória e discos externos na ordem dos terabytes até que a mensagem "não há espaço no disco" apareça, dei-me conta que Fatia#1 só tem fotos com os seus papás lá para o Natal... Ora.. Nasceu em Agosto! Eventualmente há uma foto ou duas perdida, em que aparece ora com a Fatia Mor, ora com o Fatiamén... mas nunca em conjunto, nunca os 3.

Bom, para evitar tristezas de futuro e porque "Fatia prevenida não é comida por parva", resolvemos fazer uma sessão fotográfica com as crias. Antes que elas cresçam muito e saiam para a universidade! Daqui a umas horas, nos relógios parentais.

Como correu, pensam vocês? Foi a loucura. Fatia#1 enlouquecida pela possibilidade de ser o centro das atenções; Fatia#2 ensandecida por estarmos a tentar mantê-la acordada para as fotos, sempre à procura de mama e a bolsar em cima da roupa que tínhamos escolhido para a sessão (sorte que a tecnologia das fotos ainda não acrescentou cheiro... foi só secar). As Fatias parentais a perderem a cabeça para conseguir que ambas tivessem um ar apresentável nas fotografias. E já agora que os adultos que lá figuram tivessem bom ar.

Hoje devemos ter acesso ao resultado final. Coisa de qualidade que nós somos assim! Estou em pulgas para ver como o bolo completo ficou na fotografia! Esperemos que dê para ver para além da loucura e das noites mal dormidas (ah meu belo corrector de olheiras)! E ficámos com a certeza que a próxima há-de ser quando elas tiverem aí uns 5 e 7 anos, porque de contrário é de fazer perder a paciência a um santinho!!

Já agora, quem nos aturou e que nós adoramos pela paciência interminável para a Fatia#1: Lapela Fotografia

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre a FatiaMor

foto do autor

Fatias antigas

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Créditos

Imagens produzidas e fornecidas por Flaticon (http://www.flaticon.com/).