Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida às fatias

Gostava de escrever um texto inspirador que servisse de meta a este blog... mas não há! É consumir depressa antes que acabe!

05
Jan15

Dieta

Fatia Mor

Ando de mau humor. Não vale dizerem aí desse lado que já é habitual porque agora é pior! Comecei a dieta dos 31 dias! A bendita e famigerada dieta da nutricionista Ágata Roquette - nome que a meu ver tinha mais potencial numa carreira de música pimba do que propriamente no campo da nutrição - entrou nesta casa para não mais a abandonar... Vá, pelo menos durante 31 dias. 

Por todo o lado vejo os maiores (ou melhor dizendo, menores) testemunho de como esta dieta é excelente. "Uma autêntica reeducação alimentar" ou "Perdi vinte quilos e ganhei vinte anos de vida" ou ainda "Come-se imenso e nunca passei fome" e outras coisas que tais. Não preciso de perder 20 kg. Graças a Deus e à minha boquinha, se somar o peso que engordei nas duas gravidezes não perfazem 20kg... Talvez 15kg e olhem lá! Rapidamente os perco (não vale invejar)! O pior é depois... 

Ah pois é minhas amigas e meus amigos. Aqui a Fatias Mor é perdidinha por um doce, um bolinho, um bom vinho e pão com queijo de qualidade! Nada me faz mais feliz que um pão, quente, com manteiga! Ou um bom bocado de chocolate! Não suporto sopa, aborrece-me francamente fazer comida só para mim e nunca tenho ideias brilhantes para cozinhar. Vale-me ter filhas que sempre me obriga a cozer um peixe com legumes ou a fazer qualquer de mais comestível que ultrapasse, com sofisticação, uns simples cereais com leite ou um iogurte com fruta para o jantar! E como os "intas" já pesam e eu gostei muito dos "intes" e quero chegar ao "entas" em condições alinhei na coisa.

Seja como for, propus-me a fazer esta bendita dieta! E digo-vos há muito tempo que não passava tanta fome. 

Os primeiros dias são de forte restrição. E apesar de estarmos sempre a comer parece que tudo cai em saco roto. A sorte foi que a passagem de ano apareceu pelo meio, mais o dia da asneira e sempre compôs o ramalhete. Agora está na altura de voltar ao sacrifício com a adenda do ginásio que ficou suspensa após o primeiro susto na gravidez da Fatia#2. 

Das duas uma: chego ao verão enxuta ou chego a roupa ao pelo a alguém... Mas tenho a certeza que vou chegar a algum lado com isto! A ver vamos, como dizia o cego...

1 comentário

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre a FatiaMor

foto do autor

Fatias antigas

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Créditos

Imagens produzidas e fornecidas por Flaticon (http://www.flaticon.com/).