Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida às fatias

Gostava de escrever um texto inspirador que servisse de meta a este blog... mas não há! É consumir depressa antes que acabe!

29
Set16

Amor à primeira vista

Fatia Mor

Vi as minhas duas filhas nascerem. Mesmo que não se goste muito de ambientes hospitalares, operações e coisas que tais (não é o meu caso), acho que é algo inegavelmente vinculativo. Há qualquer coisa de animal e instintivo no facto de recebermos no nosso peito um bebé que acaba de nascer.

 

Para mim, é ali que se concretiza a expressão amor à primeira vista.

 

É onde o bebé imaginado durante 9 meses se torna real.

 

É onde podemos contar os dedos das mãos e dos pés, e em que nos assustamos com a imensidão da vida humana, tudo resumido a um ser minúsculo e que depende totalmente de nós (e nós dele).

 

Só me apercebi disto tudo, agora, quando o Fatia#3 nasceu.

 

Não vi o Fatia#3 nascer. Por força das circunstâncias menos boas (mas que dizemos com confiança "correu tudo bem"), não estava acordada quando ele veio ao mundo. 

 

Falta-me nas fibras do corpo e nos entrelaçares da alma esse momento. Esse e muitos outros que não me foram permitidos. O dar de mamar na primeira hora de vida. O tocar, cheirar, sentir nos primeiros momentos. O trocar a primeira fralda, o mudar o primeiro body. O primeiro colo não foi o meu.

 

Nunca pensei que me fizesse tanta diferença. 

 

Não é o amor que é diferente. Esse já se instalou há muito e da mesma maneira (ou até mais forte, por força do afastamento). Mas a verdade é que ficou um grande vazio no meu peito que acho que vou acalentar ainda por alguns meses. Faltou-me esse contacto pele a pele, o arrepio de olhar um filho pela primeira vez, no seu primeiro sopro de vida.

 

Dito assim até parece que sou uma romântica. Não sou. Mas nestas coisas do amor, do instinto, a verdade é que me faltou a paixão ao primeiro momento.

 

Mas a vida é sábia e dá-nos sempre mais momentos para vivermos. Venha uma imensão de vida juntos! Temos uma vida inteira para nos conhecermos. 

7 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre a FatiaMor

foto do autor

Fatias antigas

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Créditos

Imagens produzidas e fornecidas por Flaticon (http://www.flaticon.com/).